Catarata

O que é Catarata?

A catarata é uma lesão ocular que atinge e torna opaco o cristalino (lente situada atrás da íris cuja transparência permite que os raios de luz o atravessem e alcancem a retina para formar a imagem), o que compromete a visão. A evolução da doença costuma ser lenta, podendo afetar primeiro um dos olhos e só mais tarde o outro.

Sintomas

No início do problema, a pessoa enxerga como se a lente dos óculos estivesse embaçada ou como se houvesse uma névoa diante dos olhos. Com o avanço da doença, porém, a dificuldade aumenta progressivamente e a pessoa passa a enxergar apenas vultos, podendo evoluir à cegueira. Além disso, outros sintomas que podem ocorrer são visão dupla e sensibilidade à luz ou imagens distorcidas.

Causas

A catarata pode ser congênita (casos raros) ou adquirida. A principal causa da doença é o envelhecimento. Embora o problema apareça geralmente em indivíduos com mais de 50 anos, há casos de crianças que já nascem com a doença por problemas genéticos ou porque as mães tiveram rubéola, sífilis ou toxoplasmose no primeiro trimestre de gestação.

Outras causas de catarata são: diabetes; uso sistemático e sem indicação médica de colírios, especialmente dos que contêm corticoides; inflamações intraoculares; traumas como socos ou batidas fortes na região dos olhos; e excesso de radiação.

Tratamento

O único tratamento para catarata é o cirúrgico. O objetivo da cirurgia – simples, rápida e feita sob anestesia local – é substituir o cristalino danificado por uma lente artificial que recupera a função perdida. Essa lente pode ser de vários tipos e corrigir vários problemas de visão. É possível implantar lentes especiais que permitem eliminar o uso dos óculos para longe e, em alguns casos, os óculos para perto.

O cristalino pode ser retirado inteiro ou por uma técnica chamada facoemulsificação, que oferece a vantagem de exigir corte menor e, em geral, sem suturas.

Atendimento Via WhatsApp

(62) 99346-1044